Procurando Dory da Disney Pixar: A maior estreia de uma animação no País

O filme teve a maior abertura do final de semana: a bilheteria bateu a marca de R$ 24,2 milhões

Dory, a peixinha mais adorável do cinema, chegou ao Brasil em 30 de junho de forma memorável. “Procurando Dory”, da Disney Pixar, estreou neste final de semana em mais de 1.100 salas no país e levou cerca de 1,48 milhões de espectadores de todas as idades aos cinemas com uma arrecadação de R$ 24,2 milhões. Com esse resultado, “Procurando Dory” se torna a maior estreia de uma animação no País.

Com diversas sessões em horários noturnos, “Procurando Dory” teve uma grande procura não só de famílias, mas de adultos sozinhos ou em grupos. Segundo levantamento da National Research Group, 39% do público brasileiro no primeiro final de semana foi de pessoas desacompanhadas de crianças, a maior taxa desde 2013 para um filme de animação da Disney ou Disney Pixar.
A versão nacional do lançamento tem Antonio Tabet na voz do polvo Hank, Marília Gabriela como locutora do Instituto de Vida Marinha e o trio de comediantes Os Barbixas com uma participação surpresa.

dory

PROCURANDO DORY
DISNEY•PIXAR
Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/DisneyMoviesBrasil/?fref=ts
Siga-nos no Twitter: https://twitter.com/DisneyStudiosBR
Siga-nos no Youtube: https://www.youtube.com/user/WaltDisneyStudiosBR

Diretor: Andrew Stanton
Codiretor: Angus MacLane
Produtor: Lindsey Collins

“Procurando Dory”, da Disney•Pixar, recebe mais uma vez na telona a preferida de todos, a peixinha azul e esquecida Dory, que vive alegremente nos recifes com Nemo e Marlin. Quando Dory repentinamente se lembra de que tem uma família em algum lugar que pode estar procurando por ela, o trio embarca em uma aventura que vai mudar suas vidas cruzando o oceano em direção ao prestigioso Instituto da Vida Marinha (IVM) na Califórnia, um centro de reabilitação e aquário. Em uma tentativa de encontrar sua mãe e pai, Dory conta com a ajuda de três dos residentes mais intrigantes do IVM: Hank, um polvo briguento que frequentemente dá um perdido nos funcionários; Bailey, uma baleia branca que está convencida que suas habilidades de ecolocalização não funcionam mais; e Destiny, um tubarão baleia míope. Navegando habilmente pelo intrincado funcionamento interno do IVM, Dory e seus amigos descobrem a mágica que existe em seus defeitos, sua amizade e família.

Dirigido por Andrew Stanton (“Procurando Nemo,” “WALL•E”), codirigido por Angus MacLane (“Toy Story DE TERROR!”), e produzido por Lindsey Collins (coprodutora de “WALL•E”).

Fonte: Imprensa The Walt Disney Company (Brasil) – Luiz Pattoli.

Comentários via Facebook

  • SIGA A EP GRUPO

    logo-sociais_r1_c1_s1  logo-sociais_r1_c2_s1  logo-sociais_r1_c3_s1  logo-sociais_r1_c4_s1  logo-sociais_r1_c5_s1 logo-social-youtube


  • banner-galeria-fotos

  • btn-newsletter

  • Atuamos, por meio de publicações, ações direcionadas e eventos, com três principais segmentos: brinquedo, licenciamento e zero a três com a missão de informar, documentar, proporcionar encontro de negócios e estabelecer parcerias. Conheça mais sobre a EP GRUPO

    ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS!

    • Facebook
    • Twitter
    • Instagram
    • Flickr
    • LinkedIn
    • Youtube

    ÚLTIMAS POSTAGENS

    ÚLTIMOS TWEETS

    Leia todos os tweets

    © Copyright 2015 Espaço Palavra Editora e Arte.

    by: NHS INFO

    Cadastre-se

     
    Name

     
    E-mail*

     
    Empresa

     
    Endereço

     
    Complemento

     
    Bairro

     
    CEP

     
    Cidade

     
    Estado

       
     
    ×