Após declarar falência nos EUA, Forever 21 é comprada

A rede de lojas Forever 21 que, em setembro de 2019, declarou falência nos Estados Unidos, foi comprada pela empresa de gerenciamento de marcas Authentic Brands Group e pelos operadores de shoppings Simon Property Group e Brookfield Property Partners por US $ 81 milhões. A novidade pretende dar força financeira para que marcas varejistas consigam se reerguer.

Operadores de shopping centers e empresas de gestão de marcas compram a Forever 21. Crédito: Licensing International

A combinação de operadores de shopping com empresas de gestão de marcas não tem precedentes. Quando a marca de roupas para adolescentes Aeropostale e a Hollister também entraram com pedido de falência, a ABG comprou a cadeia com a Simon e a General Growth Properties, em 2016. Cerca de 500 lojas foram reabertas no ano seguinte. A ABG licenciou a marca para roupas de cama e as etiquetas da Aeropostale e da Hollister voltaram ao vestuário.

O grupo Simon já está reconstruindo alguns shoppings como instalações multiuso, incluindo locais na Coréia do Sul, Vancouver e Washington. As mudanças ocorrem em um momento crítico para o varejo, que fechou mais de 9.300 lojas em 2019, ante 5.500 no ano anterior.

As informações são da Licensing International.

Comentários via Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui