CPB lança programa on-line de atividade física para quem tem deficiência

Atividades estarão no site e no canal do Youtube

Nesta segunda-feira, 1, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) lançou a primeira plataforma de atividade física para pessoas com deficiência, o Movimente-se. As aulas são gratuitas e voltadas exclusivamente a deficientes físicos e visuais.

CPB lança programa on-line gratuito de atividade física voltada para pessoas com deficiência. Crédito: CPB/ Divulgação

O projeto tem como objetivo democratizar a prática de exercício físico para cadeirantes, paralisados cerebrais, amputados e deficientes visuais que nunca praticaram atividade física ou que não possuem orientação profissional.

A primeira etapa do Movimente-se consiste em seis módulos, sendo um por semana, sempre às segundas-feiras, no canal do Comitê Paralímpico Brasileiro no YouTube e também no site.

Serão cinco vídeos semanais, diferenciados por tipos de deficiência. As aulas para deficientes visuais contarão com dois vídeos: um legendado para baixa visão e outro com o serviço de audiodescrição, ambos com o mesmo conteúdo de exercícios.

“Projetos como este consolidam o Comitê Paralímpico Brasileiro em uma posição de vanguarda na inclusão da pessoa com deficiência na sociedade, uma das nossas missões como instituição. Nestes tempos de pandemia e distanciamento social, o Movimente-se terá ainda mais relevância na transformação da vida das pessoas e também de seus familiares”, explica Mizael Conrado, presidente do CPB.

O conteúdo do programa será ministrado pelos técnicos do CPB e atletas paralímpicos, que demonstrarão como realizar exatamente os movimentos dos exercícios. Cada aula será voltada para um perfil de deficiência e ela consiste em aquecimento, exercício principal e volta à calma (relaxamento).

“São exercícios simples, básicos, para que todos possam conhecer seu próprio corpo, começar a se exercitar e ganhar confiança e segurança no dia a dia, realizando todos os movimentos dentro de casa mesmo”, conta Everaldo Lúcio, um dos treinadores da Seleção Brasileira paralímpica de atletismo e, também, um dos responsáveis pela elaboração dos treinamentos.

A primeira aula já está disponível. Atletas do atletismo e natação foram os convidados para exemplificar as atividades e as realizaram diretamente de suas respectivas casas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui