Internacional – Disney decide estrear ‘Mulan’ pelo Disney+ nos EUA

Estreia acontece no dia 4 de setembro

Depois de adiar algumas vezes o lançamento por causa da pandemia da Covid-19, a Disney decidiu lançar Mulan direto em seu serviço de streaming Disney+ no dia 4 de setembro.

Mulan é um dos filmes que teve a estreia adiada. Crédito: Divulgação/ Disney

Quem fez o anúncio foi Bob Chapek CEO da Disney, nesta terça-feira (4), numa conferência para apresentar os resultados trimestrais da empresa a investidores.

Segundo a Folha de S. Paulo, contrariando o modelo do streaming, a Disney quer cobrar US$ 29,99 (R$ 160) a mais pelo aluguel do filme dos assinantes nos Estados Unidos.

Lá, a mensalidade custa US$ 6,99 (R$ 36,99). A explicação de Chapek é de que a cobrança extra garanta o retorno financeiro do longa, orçado em US$ 200 milhões (R$ 1,11 bi).

A ideia da empresa é usar a mesma estratégia nos demais países em que a plataforma está presente, como no Canadá e da Nova Zelândia.

Nas regiões em que o Disney+ não chegou, como é o caso do Brasil, e onde os cinemas estão abertos, o filme deve ser lançado como manda o figurino: nos cinemas.

Confira o trailer:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui