Venda de brinquedos cai no plano global, mas cresce no Brasil

Apesar das vendas globais da indústria de brinquedos ter caído 3% em 13 mercados, o Brasil foi um dos países que apresentou melhor desempenho em 2019, com crescimento de 2% comparado ao ano anterior. Foi o que mostrou o monitoramento feito pelo NPD Group. Estados Unidos, Rússia e Alemanha também tiveram um bom desempenho.

No Brasil, crescimento foi de 2% comparado ao ano anterior. Crédito: Reprodução/ Toy News

No primeiro semestre de 2019, as vendas de brinquedos caíram 6%, um desempenho considerado abaixo do esperado, segundo informou o site Toy News, mesmo com as vendas de liquidação da Toys R US. No segundo semestre já ouve melhora: as vendas caíram apenas 1%.

Os brinquedos das marcas LOL Surprise! Barbie, Marvel Universe, Hot Wheels e Nerf foram os mais vendidos no ano passado. Esse crescimento se deve ao lançamento de filmes como Frozen, Toy Story, Pokémon e LEGO.

“Um aumento de 3% nos brinquedos licenciados, impulsionado por uma linha sem precedentes de filmes para a família, ajudou o mercado, especialmente durante o segundo semestre do ano”, contou Frédérique Tutt, analista global da indústria de brinquedos do The NPD Group.

Ele disse, ainda, que a indústria está se preparando para este ano, que não há mais preocupação com relação a tarifação em brinquedos pelos Estados Unidos, mas, por outro lado, há uma crise industrial ocorrendo por conta do coronavírus.

“Esperamos que a situação melhore muito em breve e que possamos voltar aos negócios como de costume”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui