Viacom revela dados da pesquisa TV RE[DEFINED]

viacom2A Viacom International Media Networks revela os dados de sua mais recente pesquisa global sobre o universo da TV e as diferentes telas: RE[DEFINED]. Para esse estudo, a VIMN conduziu através de vídeos, pesquisas etnográficas em profundidade, conversou com mais de 10.500 pessoas de 6-34 anos e assistiu 26.866 vídeos produzidos pelos participantes em 14 países, dentre eles Brasil, México, Indonésia, Filipinas, Austrália, Malásia, Singapura, Rússia, Alemanha, Reino Unido, Itália, Polônia, Holanda, Suécia. No Brasil, foram ouvidas 750 pessoas.

“A Viacom, além de ser uma das maiores produtoras de conteúdo mundial, também é uma das empresas que mais investe em pesquisas com o claro objetivo de desenvolver as marcas, os produtos e os conteúdos que se conectam com as suas audiências de forma relevante, única e eficiente”, diz Raul Costa, Gerente Geral da Viacom no Brasil. E isso, segundo ele, representa investimento de tempo e recursos, com estudos ao redor do mundo para entender nossas diferentes audiências, suas vidas e como elas se relacionam com nosso negócio”.

Quem conduziu todo o estudo foi o Vice-Presidente Sênior de Consumer Insights e Data Innovation da VIMN, Christian Kurz. Kurz fica baseado em Nova York e é o responsável por proporcionar informações estratégicas para as operações da VIMN, através de pesquisas globais. Suas orientações são utilizadas nas decisões de negócios de todas as marcas da empresa, como MTV, Nickelodeon, Comedy Central, em todas as plataforma.

“Em pouco tempo, conteúdo se tornou disponível em qualquer hora e em qualquer lugar, abrindo infinitas possibilidades para os espectadores. Rapidamente e radicalmente, nós vimos a TV se redefinir. No meio de toda essa mudança TV RE[DEFINED] mostra que a televisão esta sendo consumida agora mais do que nunca. O que é necessário é a redefinição de nosso entendimento de televisão, diz Kurz.

A pesquisa explora como os telespectadores estão redefinindo sua relação com a televisão. O estudo também mostra como as pessoas assistem televisão no atual ambiente de constante transformação; como eles descobrem conteúdo e, como seus hábitos ao redor da televisão estão se modificando.

Mas, segundo o estudo, a inovação da televisão não está apenas relacionada a devices e fontes de acesso ao conteúdo. A televisão costumava se adequar a um sistema estereotipado e limitado. E, agora, ela é ilimitada em sua criatividade. A inovação mais importante está relacionada com seu próprio conteúdo, pois a TV costumava falar com o telespectador e hoje é uma via de duas mãos.
Os resultados são surpreendentes. Os telespectadores realmente aumentaram o acesso aos conteúdos.

Hoje, os brasileiros possuem uma média de cinco devices ( Tablet, Smartphone, Computador, Laptop, Console de jogos, Dispositivos de streaming, TV Smart, Ipod touch, DVD player ) e usam em média cinco fontes de acesso ao conteúdo ( TV Linear, VOD de um operador de TV, DVR, Assinantes de VOD, Site de Video gratuito, Websites e aplicativos de canais de TV, etc). O número de devices e fontes de acesso é similar entre os países.
Quanto mais acessos, mais engajamento. Hoje, cerca de 72% estão falando sobre programas de TV mais frequentemente do que há alguns anos, enquanto no Brasil, o número chega a 78%.

Abaixo alguns resultados do estudo:

Mais acesso a bom conteúdo esta redefinindo a relação dos telespectadores com a televisão.
A habilidade de acessar conteúdo de diversas maneiras gera um engajamento maior com a televisão se o conteúdo é interessante para os telespectadores.

• Uma biblioteca com bom conteúdo gera uma conexão com os telespectadores.
• Devices são somente veículos para fornecer conteúdo.
• 63% dos entrevistados concordam que “a TV nunca esteve tão boa”. No Brasil, esse número é de 66%.
A televisão se tornou o principal tópico de conversa.
Nunca foi tão importante criar conteúdo que possui potencial de gerar conversa.
• A conversa age como um dos principais modos de descoberta de novo conteúdo entre os adultos (é o segundo meio de descoberta inicial de conteúdo e de confirmação de interesse em um programa). Conversas interpessoais são mais relevantes que nas mídias sociais.
• Conversas durante os momentos de brincadeiras são essenciais para as crianças! Entre elas, a conversa é ainda mais importante: é um meio de descobrir conteúdo.
O papel da TV linear na descoberta de conteúdo ainda é dominante.
A troca de canais ainda é o método principal usado pelos telespectadores para a descoberta de conteúdo, seguido por troca de informações boca em boca e promos de TV.
Online é extremamente útil para reforçar interesse, mas é a TV linear que sela o acordo e faz com que os telespectadores se comprometam.
• 69% dos adultos e 76% das crianças de 6-12 começam sua jornada como telespectadores através da TV linear.
• Atualmente, a TV linear é a única fonte que satisfaz os momentos de se ver TV de forma ativa (se programa para assistir algo) ou passiva (liga a TV para relaxar e ver o que está passando) . Nenhuma outra fonte de acesso ao conteúdo conseguiu ser tão eficiente e duplicar a descoberta e a experiência de visualização oferecida pela TV tradicional.
Não existe nenhuma fonte de conteúdo não linear dominante – VOD (Video On Demand) e serviços de assinatura de VOD estão igualmente redefinindo a TV. O que mais importa é a disponibilidade de conteúdo de qualidade e a experiência do telespectador.
• Usado nas últimas semanas entre aqueles que têm acesso: VOD 56%, sites de canais 53%, DVR (Digital Video Recorder) 51%, SVOD 47%. (Assinantes de Video On Demand).
No Brasil: VOD 71%, sites de canais 58%, DVR (Digital Video Recorder) 54%, SVOD (Assinantes de Video On Demand) 56%.
• Os serviços que fornecem conteúdo VOD para televisão podem se tornar extremamente competitivos se continuarem proporcionando aos telespectadores acesso a bom conteúdo de forma fácil e inovadora.
Telespectadores estão consumindo televisão de novas formas – consumidores redefiniram a TV para significar “conteúdo em seus próprios termos”.
• 51% preferem assistir TV “Quando” querem ao invés de “Onde” e “Como”. No Brasil, esse montante é de 47%.
Telespectadores estão se utilizando de diferentes fontes para satisfazer diferentes necessidades:
• TV Linear é a fonte de acesso regular; 71% dos telespectadores entre 6 e 34 anos, vão primeiro à televisão e ela continua como a principal referência para descobrir e assistir programas de TV.
• DVR, sites de canais ou aplicativos e provedores de VOD para a TV oferecem a oportunidade de os telespectadores se atualizarem.
• O serviço de assinaturas de VOD é ideal para se fazer “maratonas”.
• Sites de vídeo gratuitos valem a pesquisa. Telespectadores podem testar programas de TV através de sites gratuitos, mas, se eles gostam do conteúdo, podem migrar para outras fontes que ofereçam uma experiência melhor ao usuário.

TV RE[DEFINED] descobriu um novo e vital segmento de telespectadores: o telespectador Engajado
Representando 45% dos telespectadores globais e 58% no Brasil , eles têm acesso a pelo menos duas fontes secundárias ao ver televisão e, como o próprio nome sugere, são extremamente engajados com o conteúdo. Eles possuem um amplo acesso ao conteúdo que consideram bom. Isso aumentou seu engajamento com a TV e agora estão assistindo mais conteúdo de televisão em geral. De fato, eles estão até assistindo mais TV linear do que um ano atrás.
• Para o telespectador Engajado, TV RE[DEFINED] significa que conteúdo digno de conversa é ainda mais importante. Aproximadamente 40% dos resultados de audiência provêm de alguma forma de se conectar com outras pessoas. Eles dão ênfase a experiências interpessoais. Já no Brasil, esse número sobe para 44%. Assim como as crianças engajadas, 47% dos programas que eles assistiram, geraram conexões com outras pessoas contra 43% da média global.
• Programas com histórias interessantes que geram conversa serão bem sucedidas. Sem programas que gerem conversas, as previsões dos pessimistas quanto à morte da televisão irá se tornar realidade.

“TV EVERYWHERE” deveria se chamar “TV RIGHT NOW”
• Isso destaca a importância das plataformas serem fáceis e intuitivas, como forma de simplificar o acesso dos espectadores quando esse momento chegar.

Para saber mais de RE[DEFINED] acesse: http://vimeo.com/vimninsights/tvredefined
Mais informações sobre VIMN Insights and Research podem ser encontradas em: http://vimninsights.viacom.com/

***
Fonte: Viacom Brasil – Nickelodeon

Comentários via Facebook

  • SIGA A EP GRUPO

    logo-sociais_r1_c1_s1  logo-sociais_r1_c2_s1  logo-sociais_r1_c3_s1  logo-sociais_r1_c4_s1  logo-sociais_r1_c5_s1 logo-social-youtube


  • banner-galeria-fotos

  • btn-newsletter

  • Atuamos, por meio de publicações, ações direcionadas e eventos, com três principais segmentos: brinquedo, licenciamento e zero a três com a missão de informar, documentar, proporcionar encontro de negócios e estabelecer parcerias. Conheça mais sobre a EP GRUPO

    ESTAMOS NAS REDES SOCIAIS!

    • Facebook
    • Twitter
    • Instagram
    • Flickr
    • LinkedIn
    • Youtube

    ÚLTIMAS POSTAGENS

    ÚLTIMOS TWEETS

    Leia todos os tweets

    © Copyright 2015 Espaço Palavra Editora e Arte.

    by: NHS INFO

    Cadastre-se

     
    Name

     
    E-mail*

     
    Empresa

     
    Endereço

     
    Complemento

     
    Bairro

     
    CEP

     
    Cidade

     
    Estado

       
     
    ×